egt slots
Compartilhe

Do Pantanal para o mundo: Sebrae lança plataforma que divulga produtos feitos no bioma

Empreendedores que tenham interesse em empreender com produtos com características pantaneiras também podem participar
PorNátalia Moraes
egt slots
Compartilhe

Produtos que utilizam insumos pantaneiros ou que foram feitos no bioma agora têm uma vitrine só para eles: a plataforma on-line “Made in Pantanal”, ação do Sebrae para valorizar essa rica produção regional. O lançamento da iniciativa ocorreu nesta quarta-feira (23), durante a abertura oficial da 22ª edição do Festival de Inverno de Bonito (FIB), na Praça da Liberdade, no município.

O objetivo é dar visibilidade aos empreendedores da economia criativa e agroindústrias com produtos feitos no bioma ou que utilizam insumos pantaneiros. Além de terem acesso à divulgação, as empresas inscritas no Made in Pantanal são acompanhadas por agentes de mercado para aprimorarem o empreendimento, convidados a expor em feiras e eventos e, também, participarem de rodadas de negócios. Todo esse conjunto de ações permite aos negócios acesso a mercado e novas possiblidades.

Presente no lançamento da plataforma do Made in Pantanal, o vice-presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae/MS e presidente do Sistema Fecomércio, Edison Araujo, declarou que o trabalho desenvolvido permite levar o Pantanal para mais lugares, gerando renda e oportunidades para os empreendedores locais. “É muito importante a participação que o Sebrae tem feito, não só em Bonito, mas em todo o nosso estado de Mato Grosso do Sul, levando qualidade de vida para as pessoas e também o empreendedorismo”.

“Estamos apresentando em primeira mão a plataforma Made in Pantanal, no Festival de Inverno de Bonito. Essa plataforma já conta com mais de 100 empreendimentos que promovem o produto do Pantanal, produtos genuinamente pantaneiros. Empreendedores que têm um negócio voltado a essa temática ou que têm interesse em fazer parte deste movimento, também podem aderir. O Made in Pantanal vai levar estes produtos para o mundo”, complementou a diretora-técnica do Sebrae/MS, Sandra Amarilha.

O Made in Pantanal surgiu inicialmente como um selo, lançado no ano passado. Esse registro de procedência contribui diretamente para ressaltar a cultura do povo pantaneiro e auxilia os pequenos negócios, para que haja o desenvolvimento econômico sustentável no bioma. E, agora, a plataforma se junta a esta estratégia, integrando as ações desenvolvidas pelo Pró Pantanal – Programa de Apoio à Recuperação Econômica do Bioma Pantanal, uma iniciativa do Sebrae/MS e Sebrae/MT e parceiros atuar diretamente com os negócios instalados em Mato Grosso do Sul e Mato Grosso.

Atualmente, mais de 100 empresas estão cadastradas na plataforma e também usam o selo nas embalagens como forma de divulgação. Por Mato Grosso do Sul, há empreendimentos das cidades de Aquidauana, Anastácio, Miranda, Corumbá, Ladário, Rio Verde de Mato Grosso, Coxim, Porto Murtinho, entre outras. Interessados em empreender com produtos com características pantaneiras também podem se cadastrar na plataforma, que seguirá aberta de forma permanente para o recebimento de inscrições.

Uma das empresárias inscritas e que possui o selo Made in Pantanal é Adriana Balzan, da empresa Suspiros da Fazenda, de Coxim. Ela acompanhou o lançamento da plataforma do selo e também participa de um estande do Sebrae, que integra a programação do FIB na Praça da Liberdade. No espaço, aberto durante os dias do festival, das 10h às 22h, estão em exposição mais de 20 produtos dos municípios pantaneiros de Mato Grosso do Sul.

“Estar aqui nesse Festival e amparada pelo Sebrae é como se o meu produto agora tivesse visibilidade, porque a gente trabalha e ama tanto o produto da gente que queremos mostrar para todo mundo. Esse festival é de uma importância ímpar para a empresa”, disse a empreendedora.

A Suspiros da Fazenda vende esse tipo de doce, e o seu diferencial é ter matéria-prima da região compondo a receita, e hoje está sendo desenvolvida uma linha de produtos do Pantanal. “Eu comecei com o pequi, porque é uma fruta que a gente conhece e usa muito na culinária. Começamos os testes e vimos que o sabor era ótimo. Criei uma linha Pantanal e já estou em teste com mais dois sabores, em todos os pontos de venda”, complementa Adriana Balzan.

A cultura pantaneira foi a principal herança que a família deixou para o empresário Bruno Cavalcante, que possui o selo Made in Pantanal. De Coxim e mais conhecido como Bruno Cavaledo, ele lançou no ano passado a empresa Facas Cavaledo, mas há muito mais tempo, foi ensinado a gostar de afiar facas e a fabricar itens. Por isso, atualmente, se considera um cuteleiro especialista em lâminas funcionais.

“Venho de família Pantaneira. Como nosso estado é principalmente do agronegócio, nós chegamos até aqui graças à nossa mão de obra, que é o peão pantaneiro. E a principal ferramenta de um peão pantaneiro, desde sempre, é uma faca peixeira, uma ferramenta versátil, usada para tudo: defesa contra o bicho do mato, tirar um couro do animal, trabalhar com a comida. Isso me motivou a gostar de facas, e desde pequeno fui ensinado a gostar de afiar facas, a fabricar as minhas coisas e hoje eu me tornei um cuteleiro especialista em lâminas funcionais, que não são aquelas que são só para colecionar, mas para serem usadas na cozinha, no campo, na cidade”, explica o empresário, que também expõe no espaço do Sebrae no Festival de Inverno de Bonito.

Os contatos dos empresários estão disponíveis na plataforma Made in Pantanal. Eles enviam os produtos para outras regiões. Acesse: madeinpantanal.sebrae.com.br.

Pró Pantanal

O Pró Pantanal – Programa de Apoio à Recuperação Econômica do Bioma Pantanal é uma iniciativa do Sebrae para fomentar atividades econômicas nos eixos do turismo, da economia criativa e do agronegócio existentes no Pantanal.

Em MS, o programa tem apoio da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul (FAEMS), Instituto do Meio Ambiente de MS (Imasul) e Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Semadesc).

Para obter mais informações sobre o programa Pró Pantanal e suas ações, fale com o Sebrae, pelo número 0800 570 0800. Visite o site oficial do programa clicando aqui.

  • Sustentabilidade